Cicatriz de acne: há tratamento?

Um dos grandes OBJETIVOS do tratamento PRECOCE da acne é: EVITAR CICATRIZES! .⁣

Exatamente pelo fato da IRREVERSIBILIDADE que uma cicatriz apresenta, seja ela qual for! Por um acaso, você já viu alguma cicatriz SUMIR? Eu ainda não!!!!!⁣😳😳😳

Pois é! Mas isso não significa que não existem tratamentos que melhorem o aspecto da cicatriz! Sim os resultados são excelentes, mas sumir por completo, isso não ocorre!⁣

As cicatrizes de acne são de vários tipos, tamanhos e diferem em suas características. Podem ser classificadas como Atróficas (apresentando depressões e afundamento de pele); hipertróficas ( avermelhadas que se restringem ao local do trauma); quelóides ( altas e avermelhados também, mas superam os limites do local em que há trauma).⁣



Cada tipo de cicatriz responde melhor a um tratamento específico. Numa face acometida, temos vários tipos de cicatrizes unidas, atingindo camadas da pele diferentes.⁣

Por isso na minha opinião, para obtermos sucesso no tratamento é necessário associar técnicas. Vou citar os tratamentos que mais uso:⁣

1️⃣Aplicação de corticoide: os corticóides diminuem a espessura das cicatrizes. Além disso são anti-inflamatórios e amenizam possíveis dores e coceiras. Indicado, principalmente, para cicatrizes hipertróficas e queloides;⁣

2️⃣MMP: A microinfusão de medicamentos libera a medicação no local da cicatriz através de micro agulhas;⁣

3️⃣Laser: Ao estimular a produção de colágeno, trata a superfície da pele, promovendo, assim, o clareamento das manchas. Há uma variedade de lasers que podem ser utilizados; como o Laser de CO2 fracionado, luz Intensa Pulsada, Erbium e NDYAG;⁣

4️⃣Peeling químico: Indicado apenas para cicatrizes suaves, o ácido tricloroacético auxilia na melhora da textura da pele, bem como trata as cicatrizes superficiais sem bordas;⁣

5️⃣Subcisão com cânula: Através de pequenos traumas causados na camada da derme mais profunda, há estimulação de colágeno, tratando, portanto, cicatrizes mais marcadas e intensas. Além disso, pode estar associado a tratamentos de laser não ablativos;⁣

6️⃣Preenchimento: Aplicações de ácido hialurônico são feitas na face, sobretudo em pontos de fibrose que causam as depressões, uniformizando a pele; neste caso é necessário um produto específico que não cause excesso de volume e técnica apurada;

7️⃣Microagulhamento com drug delivery: é um procedimento estético realizado com microagulhas que perfuram a pele e, assim, estimulam a produção de colágeno bem como a formação de uma nova camada da pele. Com drug delivery, permite a penetração de produtos nas camadas mais profundas da pele.

8️⃣Aplicação de bioestimuladores: Radiesse, sculptra ou Ellanse. Com o objetivo de estimular colágeno, preencher e melhorar a qualidade da pele.

Como falei anteriormente, as cicatrizes não somem, mas podem melhorar muito! A resposta é individual e varia muito entre pacientes e protocolos. Mas há muito o que ser feito!!!

Você tem cicatriz de acne? Ou conhece alguém que tenha? Comenta aqui!

Dra Raquel Vale. Graduada em Fisioterapia pela Univali – Universidade do Vale do Itajaí-SC (2004). Pós Graduação “Lato Sensu”- Especialização em Fisioterapia Dermatofuncional pela Faculdade CBES de Curitiba-PR (2009).Graduanda em Biomedicina – Uniavan Balneário Camboriú – SC (2019).

qual é o impacto do volume facial no envelhecimento da pele?

Manter uma pele com visual jovem por mais tempo é o objetivo de muitos. Mas, com o passar dos anos, é inevitável que haja o surgimento de rugas, além da perda de tônus e elasticidade. Outra característica comum é a diminuição do volume facial, sabia? 🧐

Duas substâncias são essenciais para o volume da pele: o ácido hialurônico e o colágeno. A partir de 25 anos ocorre uma queda natural em ambas as produções. 😢

O ácido hialurônico é uma substância naturalmente produzida em nosso organismo, que atua preenchendo o espaço entre as células da derme, mantendo a pele lisa, elástica e hidratada.😱

Para recuperar o volume facial, são utizados preenchimentos a base de ácido hialurônico e ácido polilático – que estimula a produção de colágeno na pele.

Já para melhorar a hidratação da pele utiliza-se ácido hialurônico menos denso como os skinboosters.

Dra Raquel Vale-Graduada em Fisioterapia pela Univali – Universidade do Vale do Itajaí-SC (2004). Pós Graduação “Lato Sensu”- Especialização em Fisioterapia Dermatofuncional pela Faculdade CBES de Curitiba-PR  (2009). Graduanda em Biomedicina – Uniavan Balneário Camboriú – SC (2019).

nem sempre é botox!

 

Os procedimentos estéticos vão bem além da renomada toxina botulínica, e cada um tem uma finalidade diferente. Entenda e descubra qual o melhor para você!

O que é Botox e como funciona?

A toxina botulínica é uma proteína natural produzida por uma bactéria chamada Clostridium Botulinium.

Age paralisando o músculo e consequentemente impedindo a contração muscular, que é o que forma a ruga. Para as rugas que já existem, esse relaxamento da musculatura suaviza os vincos. A aplicação do botox é geralmente indicada para as rugas da testa, a glabela (espaço entre as sobrancelhas), os “pés de galinha” e rugas ao redor dos olhos. Também pode ser usado para tratar condições médicas como a hiperidrose (transpiração excessiva).

Quando injetada nas rugas, a toxina botulínica atua bloqueando a transmissão de estímulos dos neurônios para os músculos, impedindo a contração muscular.

Pode ser utilizado com o objetivo de prevenção, antes mesmo do aparecimento de linhas de expressão. Como a contração muscular é paralisada, não haverá a formação de rugas por movimentação muscular na área

O que é o ácido hialurônico e como funciona?

O ácido hialurônico é uma substância natural existente no organismo humano. Uma molécula de açúcar que atrai e retém a água ao seu redor, dando mais viço e firmeza à pele. Quando nascemos, temos quantidade abundante de ácido hialurônico em nosso corpo, mas à medida que envelhecemos a concentração diminui, propiciando o aparecimento de rugas e sinais de desidratação da pele .

Existem hoje vários tipos de Ácido Hialurônico, cada um com sua particularidade trazendo assim grandes vantagens para os pacientes. Sua distinção esta na densidade do produto, proporcionando diferentes benefícios e efeitos, que vão desde hidratação da pele, como volume em regiões como a boca.

Dra Raquel Vale- Graduada em Fisioterapia pela Univali – Universidade do Vale do Itajaí-SC (2004). Pós Graduação “Lato Sensu”- Especialização em Fisioterapia Dermatofuncional pela Faculdade CBES de Curitiba-PR  (2009). Graduanda em Biomedicina – Uniavan Balneário Camboriú – SC (2019)

foto de amostra de pele humana: orifício após a remoção da agulha.

Esta imagem, viralizou esta semana no @reddit!
Foto tirada com um microscópio eletrônico com aumento de 30x, de uma amostra de pele humana, perfurada por uma agulha! Mostrando o orifício que ficou na pele logo após a remoção da agulha!

Isso assusta você?

Não precisa! Por mais, que muitos procedimentos estéticos utilizam agulhas ou cânulas, como microagulhamento, mesoterapia, aplicacão de botox, preenchedores e muitos outros. Quando removemos uma agulha, o processo de coagulação do nosso corpo é acionado, as plaquetas são ativadas e em segundos o orifício que a aplicação deixou já é fechado.

Claro que quanto maior a agulha, mais tempo demora este processo, mesmo assim é muito rápido! Nosso corpo é muito inteligente!

Mas quando você pode usar maquiagem após os procedimentos com agulhas?
Embora seja seguro aplicar maquiagem após 2 horas, geralmente recomendamos esperar até o dia seguinte. O correto também é você NÃO tocar na área imediatamente!

Dra Raquel Vale- Graduada em Fisioterapia pela Univali – SC (2004). Pós Graduação “Lato Sensu”- Especialização em Fisioterapia Dermatofuncional pela Faculdade CBES de Curitiba-PR  (2009).Graduanda em Biomedicina – Uniavan Balneário Camboriú – SC (2019).

Nem sempre é Botox®: conheça as diferenças entre Botox® e ácido hialurônico!

 

Os procedimentos estéticos vão bem além da renomada toxina botulínica, e cada um tem uma finalidade diferente. Entenda e descubra qual o melhor para você!

Ser famosa não é fácil. Todos os dias alguém abre sua rede social ou entra num site de fofocas, olha para a foto da celebridade e pensa ou até mesmo comenta , “essa pôs botox na boca, olha como tá inchada e enorme”! Pois é, mas além da fofoca, o comentário está errado: não é o botox que dá volume aos lábios!

Embora exista um enorme número de informações disponíveis, temos percebido no dia a dia na Clínica Elegance que muitas pessoas ainda não conhecem a diferença entre Botox e preenchimento. Mas na hora de decidir qual o procedimento certo para você, é bom saber quais as características de cada um. Por isso, preparamos este post. Confira:

O que é Botox e como funciona?

A toxina botulínica é uma proteína natural produzida por uma bactéria chamada Clostridium Botulinium. Age paralisando o músculo e consequentemente impedindo a contração muscular, que é o que forma a ruga. Para as rugas que já existem, esse relaxamento da musculatura suaviza os vincos. A aplicação do botox é indicada para as rugas da testa, a glabela (espaço entre as sobrancelhas), os “pés de galinha” e rugas ao redor dos olhos. Também pode ser usado para tratar condições médicas como a hiperidrose (transpiração excessiva). Botox é a marca utilizada aqui na Clínica Elegance, é conhecida como o produto mais testado no mercado.

Quando injetada nas rugas, a toxina botulínica atua bloqueando a transmissão de estímulos dos neurônios para os músculos, impedindo a contração muscular. Geralmente as rugas surgem devido ao envelhecimento facial, que ocorre por idade avançada, exposição solar sem proteção, má alimentação e tabagismo. Muitas pessoas também têm o hábito de franzir a testa ao se expressar, o que contribui para a formação das linhas de expressão.

Pode ser utilizado com o objetivo de prevenção, antes mesmo do aparecimento de linhas de expressão. Como a contração muscular é paralisada, não haverá a formação de rugas por movimentação muscular na área que foi aplicado o botox. Geralmente a aplicação preventiva ocorre antes dos 30 anos de idade, mas não existe uma idade certa. Já se o intuito é reparar a pele, utiliza-se o botox com o intuito de amenizar as rugas causadas pelos músculos.

 

O que é o ácido hialurônico e como funciona?

Um dos maiores progressos  no tratamento da dermatologia estética foi a difusão dos preenchedores há mais de 25 anos. Diversas linhagens de preenchedores foram passando no mercado e ganhando espaço e respeito nos consultórios. Atualmente temos uma série de preenchedores,  a maioria a base de um açúcar natural , um polissacarídeo chamado ácido hialurônico.

O ácido hialurônico é uma substância natural existente no organismo humano. Uma molécula de açúcar que atrai e retém a água ao seu redor, dando mais viço e firmeza à pele. Quando nascemos, temos quantidade abundante de ácido hialurônico em nosso corpo, mas à medida que envelhecemos a concentração diminui,  propiciando o aparecimento de rugas e sinais de desidratação da pele .

Existem hoje vários tipos de Ácido Hialurônico, cada um com sua particularidade trazendo assim grandes vantagens para os pacientes. Sua distinção está nos benefícios e no efeito que causam nas camadas mais profundas ou mais superficiais da pele.  Na Clínica Elegance nossa médica utiliza três tipos: Skinbooster®, Restylane® e Juvéderm®

O Skinbooster têm uma composição bem semelhante a do ácido hialurônico convencional, mas com uma nova função. O foco da ação desse ácido é hidratar e revitalizar a pele e não preencher como em outros tratamentos. O tratamento é feito por meio de microinjeções finíssimas, na derme, camada intermediária da pele, e não na camada mais superficial, na qual são aplicados os cremes. A substância puxa e mantém as moléculas de água ao seu redor e, com isso, consegue formar um reservatório hídrico de longa duração, promovendo o aumento da espessura, da maciez e do viço da pele.

Na técnica MD Codes™,  que é um mapeamento da face a fim de promover um melhor resultado nos tratamentos com preenchimento à base de ácido hialurônico, utilizamos o JUVÉDERM®,  que proporcionando um rejuvenescimento facial. O método foi pensado levando-se em consideração a fisiologia do envelhecimento.  Essa nova técnica pode retardar ou complementar o Face-Lift (plástica facial), mascarar bolsas palpebrais, simular um implante de queixo, restaurar o dorso nasal ou como complemento de rinoplastias. Com isto o procedimento é minimamente invasivo e o resultado é um rejuvenescimento natural, e sem comprometer a vida social ou profissional do paciente. Além disso, Juvéderm® apresenta duração prolongada dos resultados, com média de 18 á 24 meses, garantindo altos níveis de satisfação aos pacientes tratados.

O Restylane, produzido na Suécia, é um composto de ácido hialurônico estabilizado de origem não animal, não apresentando, por isso, risco de doenças auto-imunes, é biocompatível e biodegradável e dispensa teste alérgico prévio. As principais indicações são o preenchimento do sulco naso-labial, das rugas glabelares (entre as sobrancelhas), das rugas frontais peri-orbitais (pés-de-galinha) e peri-orais, e também o aumento do contorno e do volume dos lábios. O Restylane, por ser uma substância de preenchimento, suaviza as rugas mais profundas e pode melhorar quase totalmente as rugas mais superficiais e o efeito é imediato após a aplicação. O tempo de duração dos resultados é de em média 12 meses.

Aqui na Clínica Elegance tanto o Botox quanto o ácido hialurônico é realizado por médico. E não esqueça que é necessário agendar uma avaliação prévia com o intuito do profissional utilizar o produto mais indicado para o seu caso. Pois cada produto tem suas indicações!

Dra Raquel Vale- Fisioterapeuta  Pós Graduada em Dermato Funcional- Responsável Técnica do Centro de Saúde e Estética Elegance.

 

Skinbooster: um novo conceito de hidratação

Os anos trazem consigo um aumento da flacidez da pele. A derme fica mais fina e perde elasticidade, as estruturas musculares e ósseas se atrofiam, enquanto as cartilaginosas continuam crescendo. Os primeiros marcos do envelhecimento aparecem nos olhos e pescoço, logo seguido das rugas na testa, a caída das sobrancelhas e da ponta do nariz, a atrofia dos lábios, os sulcos ao redor da boca, a perda da linha da mandíbula e do ângulo do pescoço, com seus frequentes acúmulos de gordura (papo, queixo duplo).

A derme é a camada da pele que tem mais resistência e elasticidade , onde estão localizadas as células que produzem o colágeno e a elastina. Os sinais de envelhecimento são consequências da diminuição de funcionamento do tecido conjuntivo, onde o colágeno se torna mais rígido, acorre a diminuição da força das fibras elásticas e a redução de água.  Sendo assim a degeneração das fibras elásticas somado a diminuição de troca de oxigenação nos tecidos levam a desidratação resultando em flacidez e rugas.

O Skinbooster têm uma composição bem semelhante a do ácido hialurônico convencional, mas com uma nova função. O foco da ação desse ácido é hidratar e revitalizar a pele e não preencher como em outros tratamentos. O tratamento é feito por meio de microinjeções finíssimas, na derme, camada intermediária da pele, e não na camada mais superficial, na qual são aplicados os cremes. A substância puxa e mantém as moléculas de água ao seu redor e, com isso, consegue formar um reservatório hídrico de longa duração, promovendo o aumento da espessura, da maciez e do viço da pele.

Podem ser feitas em diferentes áreas como, o colo, dorso das mãos, pescoço, braço, além do rosto, incluindo lábios. O resultado começa a aparecer cerca de um mês após a aplicação. Nove meses depois o produto tem de ser reaplicado.

 

Dra Raquel Vale- Fisioterapeuta Dermato Funcional- Responsável Técnica do Centro de Saúde e Estética Elegance.