ACROMA: NOVO TRATAMENTO PARA O MELASMA RESISTENTE

Não há cura, mas o melasma pode ser tratado sim!

nice portrait of beautiful and gentle young woman

 O melasma é uma hipermelanose adquirida, crônica, de etiologia não bem definida. É uma condição comum, de difícil tratamento, que interfere na autoestima principalmente das mulheres. Os mecanismos envolvidos com o aparecimento do melasma são variados, incluindo radiação solar, hormônios, estresse, irritações e inflamações locais.

Recentes trabalhos científicos demonstram que os mecanismos envolvidos com o aparecimento da mancha não está somente relacionado ao melanócito, que é a célula produtora do pigmento, denominada melanina. Hoje, já se sabe que no melasma também estão envolvidas diversas células, como o queratinócito, o fibroblasto e o mastócito. Outra descoberta é de que os vasos sanguíneos também são responsáveis pelo aparecimento e manutenção do melasma. Além de tudo isso, vários fatores estão envolvidos no aparecimento do melasma, como radiação solar,calor, hormônios, estresse, medicações, irritações, inflamações locais, entre outros.

Uma das tecnologias utilizadas no tratamento de Melasma é a Luz Intensa Pulsada que atua destruindo os vasos mais superficiais, evitando que haja a inflamação, que é sempre constante no melasma.

O ACROMA- Q-Switched aprovado pelo FDA para tratamento do melasma, é um laser especial, pois produz pulsos ultra rápidos (nanosegundos) e de alta intensidade, capazes de destruir o pigmento com o mínimo dano tecidual, sem irritar a pele, evitando os efeitos adversos, como o escurecimento de manchas já existentes. No entanto são necessárias no mínimo 4 sessões, já que a energia utilizada no ACROMA é baixa e pontual.

É uma tecnologia indicada também para o rejuvenescimento não-ablativo e tratamento de lesões pigmentares em todos os tipos de pele, atuando com eficácia e segurança clinicamente comprovados mesmo em fototipos mais elevados, tão comuns no Brasil. Outra indicação é a remoção de tatuagem com LASER Q-SWITCHED que é um procedimento cada dia mais procurado. O LASER é um dos únicos tratamentos em que é possível remover os pigmentos de tatuagem, ainda que seja necessário, muitas vezes, um grande número de sessões. O resultado do tratamento depende das cores que compõe a tatuagem, tempo em que foi feita, profundidade de penetração do pigmento e tipo de tinta utilizado.

O Laser Acroma oferece ainda a aclamada modalidade de rejuvenescimento LASER TONING para o tratamento de rugas finas e redução de poros e oleosidade, enquanto devolve o vigor e vitalidade à pele – com máxima segurança, sem interferir nas atividades diárias e sem restrição ao fototipo.

Dra. Raque Vale- Fisioterapeuta Dermato Funcional e Responsável técnica do Centro de Saúde e Estética Elegance.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s